Tel.: (11) 3676-0874 - comercial@revistapetrus.com.br

ANP participa de eventos sobre a indústria de petróleo e gás no Brasil

O diretor-geral da ANP, Décio Oddone, participou de dois eventos nesta segunda-feira (04/12), no Rio de Janeiro, sobre a indústria de petróleo e gás no Brasil.

Na parte da manhã, ele fez palestra no XI Seminário de Engenharia de Poço, da Universidade Petrobras. Em seguida, realizou apresentação em evento da Câmara Espanhola de Comércio, com membros do Comitê de Infraestrutura e Energia da entidade.

Nos encontros, o diretor-geral apresentou um panorama da indústria brasileira de exploração e produção, com foco nas ações da ANP e do Governo para retomar investimentos no setor.

“O objetivo é atrair empresas específicas para cada ambiente de E&P, suportadas por fundos de investimentos e demandando fornecedores e empresas de serviço”, afirmou, referindo-se aos ambientes do pré-sal, mar convencional e terra.

Segundo ele, as rodadas de licitações realizadas pela ANP em 2017 consolidam o início da retomada do setor, mas trarão investimentos no longo prazo. Por isso, estão sendo tomadas medidas relacionadas aos contratos atuais, para a retomada no curto prazo, como melhorias regulatórias, extensão da fase exploratória dos contratos da 11ª e 12ª Rodadas, negociação com a Petrobras relativa à Cessão Onerosa e incentivos à revitalização de campos maduros.

Oddone destacou ainda a oferta permanente de áreas devolvidas e blocos exploratórios não arrematados em leilões, que, em um primeiro momento, contempla 846 blocos e 15 áreas maduras. Até o final de abril de 2018, a ANP divulgará as regras para participação e os parâmetros técnicos e econômicos das áreas, quando o processo de licitação será iniciado de forma contínua.